Produção de Joias: Cravação

Na produção de uma joia, a inserção de pedras no metal pode ser feita de diversas maneiras. Na Marré Infinito, usamos frequentemente a fundição. Mas, no caso de peças com zircônia ou no das coloridas presentes na última coleção de Manu, usamos a cravação. 

A cravação, inserção de pedras na joia com auxílio de garras ou aros de metal, pode ser feita por técnicas variadas. No caso da última coleção de Manu, as peças passaram por um processo inspirado na cravação inglesa. Ela é feita sem garras – a gema é presa pela pressão de um aro de metal que a prende. Foi uma das primeiras técnicas de cravação inventadas, e é muito usada até hoje.

Já  as peças com zircônias passam pela técnica de pré-cravação pavê.  Trata-se da pavimentação da superfície da joia com gemas de tamanhos uniformes. Elas são ajustadas em furos e presas à placa por pequenos grãos de metal. Trata-se de uma técnica muito usada na alta joalheria.

Selecionamos algumas fotos de peças nossas com cravação.

Fonte: heartjoia/ portal das joias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat